sexta-feira, junho 08, 2012



6 comentários:

Cliceli A.Kovalski disse...

Sabe o que precebo? quanto mais sites e blogs visito mais deparo-me com planos de fundo em escuro. e Acredite são os melhores mais bem escritos e com pensamentos provocativos para se ler. o teu foi um desses. òtimo que encontrei por aí a navegar... Visite-me quando puder. Se apreciar siga. www.personalidadeinfiel.blogspot.com

Fred Caju disse...

Rumo ao sumo!

Silenciosamente ouvindo... disse...

Venho desejar a si e sua Família
um FELIZ NATAL
Bj.
Irene Alves

Fanzine Episódio Cultural disse...

A PAZ

*Agamenon Troyan

Estive presente quando você nasceu... Você era uma criança saudável que desaguou seu medo em lágrimas ao ser retirado do seu pequeno mundo. Passou a ser amamentado com amor e carinho. Presentes chegaram aos montes, tomando conta do seu redor. Você passou a engatinhar e descobrir um novo mundo.
Sua curiosidade era tamanha que quase aprontou uma confusão. Quando repreendido com palavras sem nexo, começava a chorar amolecendo corações. E você foi crescendo... Tornou-se um menino levado, não obedecia mais seus pais e só dava ouvidos aos maus conselhos.
Suas atitudes revelaram o rebelde que estaria por vir. Enfim a adolescência! Garotas, carros, motos; muita adrenalina e Rock and Roll.
Até aí nada demais, porém mais tarde vieram as drogas e com elas, a violência, o desprezo pela vida; o caos! Tentei persuadi-lo, mas não pude. Testemunhei sua alma sendo consumida pelo ódio.
Hoje, eu observo todos os seus atos patéticos: guerras, fome, racismo, genocídio, poluição, terrorismo, queimadas, fanatismo... Tamanho estrago despertou a ira da natureza em terremotos, tornados, incêndios e tsunamis. Milhares de mortos, e, mesmo assim, você não se redimiu.
Não posso intervir no seu destino. Tenho que permanecer aqui esperando pela sua redenção. Oxalá um dia quando em seu coração não haver um só resquício de ódio, eu possa novamente abraçá-lo, da mesma maneira quando você nasceu.



Biografia de Agamenon Troyan

1964: Carlos Roberto de Souza nasce em Machado-MG
1966: Muda-se para São Paulo/SP, onde surge sua paixão pelo Cinema.
1995: Retorna para Machado, passando a pesquisar a trajetória do Cinema local.
2005: Edita a Revista do Cinema Machadense (1911-2005)
2006: Compõe três letras gravadas pela banda finlandesa “Força Macabra”
2008: Lança o livro “O Anjo e a Tempestade” sob o pseudônimo “Agamenon Troyan”.
2008: Edita o Fanzine Episódio Cultural
2009: Edita o Jornal Ciclone
2010: Novo membro da Academia Machadense de Letras
2010: Destaque do ano (Troféu Carlos Drummond de Andrade”/Itabira-MG)

Fanzine Episódio Cultural disse...

REGULAMENTO DO “IX CONCURSO PLÍNIO MOTTA DE POESIAS”

A Academia Machadense de Letras (Machado-MG / Brasil) comunica a realização em novembro de 2013 de seu IX Concurso de Poesias. As inscrições encerram-se no dia 14 de outubro (2013). Para receber gratuitamente o regulamento em arquivo PDF, entre outras informações, favor entrar em contato através do e-mail: machadocultural@gmail.com

Obs (PS): O tema é livre e aberto a todos de Língua Portuguesa e Espanhola e a taxa de inscrição é de R$5,00 pode ser enviada dentro do envelope.

Favor verificar o recebimento do regulamento em pdf e jpeg. Estarei aqui para novos esclarecimentos. Caso sua poesia seja classificada e você não puder aparecer, a Academia indicará um membro para declamá-la.
O concurso será realizado no dia 09 de novembro, às 20:00hs no Anfiteatro da Prefeitura Municipal de Machado-MG.
--------------------------------
Encontrem-me no FacebooK
http://www.facebook.com/carlosroberto.desouza.7?ref=tn_tnmn
Blog da Academia Machadense de Letras
http://www.academiamachadensedeletras.blogspot.com
Meu Twitter
https://twitter.com/#!/episodiocultura
Conheçam um pouco do meu trabalho cultural
http://www.youtube.com/watch?v=5gyGLdnpuvQ

Daniele Negreiros disse...

Que bonito, Claudia!

Abraço!