sexta-feira, outubro 17, 2008



conCreto

dentro
dos
olhos
brilho
espesso
-lágrima
sólida
embriagada
de
saudade

Cláudia Gonçalves


7 comentários:

orlando pinhº d-silva disse...

poetaembriaga-setodotempo
poesialíquidalágrimasólida
envoltaemtoalhasdesaudades

Textos & Pretextos disse...

Simples e lindo!
Estou numa fase de misticismo sufi, aqui vai um verso do Rubayat.
Beijos, com rosas e luz do dia.
--
Mais outra aurora. Como em todas as manhãs,/
deparo a beleza do mundo, e não posso agradecer:/
há tantas rosas, tantos lábios. Vem minha amiga,/
pousa o teu alaúde, os pássaros estão cantando.

Ellen Veloso Soares disse...

Muitíssimo criativa!! Linda saudade em versos..

Marisa Vieira disse...

Genial Cacau!
Linda foto tb...

beijos
Marisa Vieira

Aroeira disse...

belo, carregado de emoção.

Aroeira disse...

belo.

José Miguel de Oliveira disse...

gosto muito do poema...
Parabéns pela claridade.