segunda-feira, novembro 07, 2011




nu

na pele crua
  a verdadeira face
  face à carne
  faz-se nua

  - farto
  o homem
  em descaminhos

  revira o lixo da história
  procura pétalas
  - asas
  escassas

  na sorte da rua
  colhendo migalhas
  da própria amargura
 
  sem lume
  e nenhum perfume
  volta ao beco

  - ainda oco de tanto eco -
 
  cláudia gonçalves

6 comentários:

Beli disse...

Cacau!
Que bom que te encontramos pelo menos por aqui. Perdi o papel que ocê me deu...fomos na sexta no Tutti Giorni e não encontramos nem a señorita, nem Liane. Estamos indo para o Uruguai hoje.
Envie os meios de contato. Um beijo enorme no teu coração =D
A(r)té breve!

Irene Alves disse...

Sempre excelente poesia.
Desejo um Feliz Natal.
Bj.
Irene

Diego Sousa disse...

ZR BRASIL - AGORA SIM VOCE VAI GANHAR DINHEIRO !!
----------------------------------------
Acesse este site:
http://www.ld2producoes.com.br/
Ou copie e cole o endereço acima em seu navegador.
----------------------------------------
Você Ainda Não Viu Nada Igual Mesmo!!!!!!
Cadastro e Ativação Gratuita
Ganhos acima de R$ 2.000 por mês
Dedicação de apenas 5 minutos por dia
Não precisa indicar ninguém
Se indicar acelera os ganhos
Planos Pagos opcionais para acelerar os Ganhos
Empresa com 14 anos
Uma idéia genial
----------------------------------------
Importante:
Não cadastre-se antes de assistir os vídeo e entender bem.
Você ficará maravilhado (a)!

----------------------------------------
Você terá acesso ao vídeo do grande profissional na área de marketing (Edu de Aguiar) que vai lhe explicar sobre esta parceria que, com certeza, já é revolucionária.

Fabiana de Brito Gomes disse...

Lindo! Atenta e sensível! Parabéns! - Quem sou eu pra te dar os parabéns?? Retifico: Obrigada!

Fred Caju disse...

Muito demais! que nudez sincera.

cpeasul furg disse...

Curti curti... ainda oco de tanto eco.
Wagner Passos