terça-feira, fevereiro 13, 2007



Oásis


a lua que sonhei

na vastidão

era fogo iluminando

a planície solidão

muito ao longe

trazia a memória do tempo

impressa no cosmo

te encontrei

sob esta luz

prata - candeeiro.



Cláudia Gonçalves e Jiddu

3 comentários:

dayaoyao disse...

hello,I recommend to you the best browser in history,I really loved it,I hope you may want to download and try. thank you.

Benvinda Palma disse...

Poetas, queridos poetas! Que encontro mais lindo! Sob a luz da lua e nas palavras que lavam a alma do leitor! Parabéns!Beijos afetuosos/bemtevi

rodrigo mebs disse...

posso apostar que esta gravura é do Jiddu!