terça-feira, novembro 21, 2006

Insone

Noite embala
suave melancolia
enquanto o silêncio
zomba em gotas

pálpebra
cristalizada
tomba exausta
...mas o porto
é insone

o pensamento voa
e brota o desejo
de com palavras bordar
e um poema esculpir

...invadir o silêncio
e a insônia banir

Cláudia Gonçalves

3 comentários:

Carlos Arthur disse...

Claudia: a combinação de foto e poesia ficou linda, e o poema é muito bom..."o silêncio zomba em gotas" é lindo! Bjs!

Benvinda Palma disse...

Claudinha... linda poeta! Que versos mais serenos...

e brota o desejo
de com palavras bordar
e um poema esculpir...

simplesmente divino!

Bjs

Lenise disse...

Claudinha!!!

Está muito lindo teu blog amiga! Tem até umas poesias que eu não conhecia, como essa aqui, que está realmente maravilhosa!
A edição está primorosa! As imagens tem tudo a ver com as poesias! Amei!
Mil beijos!