quarta-feira, agosto 22, 2007


Mulher

Anoitece
na ante-sala do amor
transborda néctar
frutal
rosa chá

alma desnuda
saindo do prumo
tal fera selvagem

bastam os sentidos
e explode a paixão...

nas arenas do corpo
caem folhas de outono
e floresce
...mulher

Cláudia Gonçalves

4 comentários:

Paulo disse...

Que belo poema! Sensualidade, sensibilidade, síntese e imagens em profusão. LINDO Cacau!

Bela imagem! Excelente escolha para ilustrar o poema! Parabéns!

Cisne megro disse...

Oi Cláudia,adorei este texto! Parabens poetisa.

Doroty disse...

Claudinha querida boa noite eu ja estive aqui te visitando acho que devo ter esqucido de salvar.
Mas querida
sabe que eu considero você uma linda poeta maravilhosa com uns poemas lindos e muito profundos.Sou sua fã
beijos Cacau lindos
todos lindos.

Dora.

Alexandre Spinelli disse...

Muito bons todos os textos...
Resolvi deixar meu comentário neste, afinal, com "néctar frutal rosa chá"...
Coloquei um link para o teu Blog no meu... podia?
Parabéns, poeta!